Utilize o teclado para navegar, com Ctrl + nº da tecla

Ctrl + 1 (menu) Ctrl + 2 (conteúdo) Ctrl + 3 (busca) Ctrl + 4 (mapa) Ctrl + 0 (acessibilidade)

A +

A -

Padrão


Original

Contraste
×
Turismo

Fazenda Sant'Ana

O prelúdio histórico da Localidade de Santana foi com a antiga Sede da Fazenda Sant´Ana, fundada por Antônio de Azambuja Villa Nova, o  “Velho Tico”.

Riograndino da Costa e Silva, em seu livro São José de Taquari – A história de minha terra, relata o alto valor político para a Villa de Taquary, de Antônio de Azambuja Villa Nova. “Além de forte comerciante e médico prático, exerceu vários cargos de eleição popular, tais como: Juiz de Paz, vereador, promotor público e atuou muitos anos na vida política de sua terra natal. Era pai do saudoso e honrado Taquariense, Tenente-Coronel Antônio de Azambuja Villa Nova Filho (Tiquinho Vilanova)”.

Os habitantes do local eram de origem luso-brasileira, proprietários de grandes extensões de terras consideradas como latifúndios ou fazendas, que chegavam a abranger as atuais localidades de Santana, Cantagalo, Arroio do Pau e Samambaia. Por ter poder de negociação, influência e, principalmente honra, adquiriu mais terras do que aquelas herdadas de seu pai Ricardo Villa Nova. Chegou a comprar e trocar terras que foram de seus irmãos, como as terras de Joaquim de Azambuja Villa Nova e de sua irmã Leocádia de Azambuja Villa Nova, em 08 de fevereiro de 1855 (Livro do Tabelionato da Freguesia de Taquari, nº2, p.150 a 157). Em 12 de novembro de 1845, Antônio e Joaquim chegaram a fazer uma escritura de arrendamento de um Engenho da Fazenda denominada Serra de Leandro Nunes Dias (Livro 09, p.10 a 12).

Na propriedade há uma grande e bela casa construída em 1872, que, em 1930 foi reformada; um açude construído pelos escravos logo atrás da casa, no ano de 1865, que abastece com sua abundante água todas as necessidades dos moradores da propriedade. A fartura de terras, considerava à família Vilanova um ponto de referência, em termos de localização e domínio territorial, tanto que a área de suas propriedades chegava a atual sede do Município de Fazenda Vilanova. Ainda hoje, alguns descendentes possuem pequenas áreas de terra, como exemplo, o Sr. Deoclécio Vilanova Cardoso, que a transformou em terrenos para a construção habitacional. Hoje, esta propriedade é símbolo da colonização e progresso do Município de Fazenda Vilanova.


© Copyright 2020 - Direitos reservados à Prefeitura de Fazenda Vilanova/RS

topo